BTTFOZCOA

BTTFOZCOA

BTTFOZCOA

quarta-feira, 28 de março de 2018

Travessia BikeStudio 17 e 18 de Março 2018


Foi a minha primeira experiencia na travessia BTT organizada pela BikeStudio, era com grande ansiedade que esperava pelo fim de semana para os 2 dias a pedalar entre Covilhã e Figueira Castelo Rodrigo e vice-versa no total de 240km e 4000 M D+.

Se o 1º Dia foi bom com uma das subidas (ali perto do barracão) de se lhe tirar o chapéu no meu caso foi mais andarilho, mas foi ultrapassada a partir desse ponto foi sobe e desce acessível até ao Côa perto de Almeida mas antes um paragem na Mesquitela para um reforço liquido (Obrigado ao Miguel Quinaz)
Passagem em Almeida somos avisos para seguir por estrada pois os trilhos era impossível passar com tanta lama, logo a saída as minhas pernas começam ter caibras lá fui seguindo mais devagar até aparecer o carro de apoio que me colheu já na zona industrial de Figueira.
Aqui a subir para Almeida (Foto de Pedro Tondela) 

Chegada a Figueira lavagem da bike e logo de seguida um lanche no Hotel Transmontano onde iria jantar e dormir. Aqui fica o registo do 1 dia.




2º Dia
Pequeno almoço e pelas 9h00 estávamos de partida para Covilhã alguns ainda foram a Castelo Rodrigo lá no alto eu preferi seguir até Almeida, mais uma passagem no Rio Côa e em Leomil volto a entrar no percurso para chegar a Castelo Mendo onde desta vez seguiríamos por outro lado até Covilhã.
Castelo Mendo que trilhos maravilhosos! Uma passagem junto ao Rio Côa fantástico.
Algo que não estava a espera era passar em Pena Lobo 
pois local onde já estive em eventos betetisticos só deu para esta foto para o amigo Amândio pois ainda faltavam 40km para chegar a Covilhã.
Perto da Covilhã (10km) foram locais também já conhecidos o que ajudou para finalizar a travessia.
Foram 2 dias intensos por este nosso Portugal que eu desconhecia onde temos locais maravilhosos para visitar.
Video do 2 dia




Parabéns a Bike Studio pelo evento da travessia  


domingo, 25 de fevereiro de 2018

A descoberta do GR36

No Sábado a tarde para mais uma volta e desta a começar em Moncorvo com a finalidade de fazer um pouco o novo GR36 (que ainda não esta pronto) já com algumas marcações.
GR36 Arribas do Douro Começa em Miranda do Douro e acaba no Pocinho ou Vice-Versa.
Com a companhia de Daniel, Julio, Antonio e Filipe, o inicio não podia ser melhor os 3 primeiros kilometros sempre em ascendente com percentagens a chegar 20% até alcançarmos o topo da Serra do Reboredo onde se deslumbra uma paisagem deslumbrante mas ao mesmo tempo também ingrata pelo incendeio ocorrido no ano passado.
Entre sobe e desce no alto da serra chega o momento de descer para Maçores 2km "quem sobe também desce".

Seguindo para Ligares chegamos a um ponto em que ainda não há marcação (penso que já dentro do Concelho de Freixo de Espada a Cinta) seguimos em modo a descoberta até Ligares onde paramos no café local para repor líquidos onde estava um amigo já conhecido Bruno pois a uns anos atrás realizou-se um passeio de BTT e poderá ser que se volte a realizar este ano. Aqui o registo http://bttfozcoa.blogspot.pt/2012/09/btt-em-ligares.html

Saímos de Ligares para o regresso a Moncorvo por estrada  pois já se fazia tarde.
Resumo da volta;
20km pelo GR36 bastante durinhos com cerca de 800 de acumulado ascendente
Total 40km em 4 horas.








Aqui são cerca de 20% inclinação


 Alto da Serra do Reboredo

 Descanso depois da subida

Uma festinha ao cão





Felgueiras




 Inicio da descida para Maçores




                                      

 Ultima marcação até Ligares

 A partir daqui foi a descoberta de caminho até Ligares


Amigo Bruno  no café em Ligares
Obrigado pelo reforço liquido.